PAI DE BRITTANY MURPHY PENSA EM PROCESSAR PRODUTORA QUE PLANEJA FILME SOBRE A ATRIZ

ANGELO BERTOLOTTI E BRITTANY, NUM DOS EVENTUAIS ENCONTROS.

O pai de Brittany Murphy, Angelo Joseph Bertolotti, o AJ, pretende processar judicialmente a produtora e emissora de TV Lifetime se caso esta levasse adiante a realização de um filme biográfico da atriz, falecida em dezembro de 2009.

Lifetime é a mesma que co-produziu e exibiu o filme Tributo (Nora Roberts Tribute), um dos últimos filmes feitos por Brittany, lançado aos cinemas em 11 de abril de 2009 depois de seu pré-lançamento em 21 de março, e cujo enredo é escrito pela famosa escritora de best sellers, Nora Roberts.

Segundo AJ, a Lifetime não estaria autorizada a produzir uma biografia sobre sua filha. Angelo está brigado com sua ex-namorada, Sharon Murphy, com a qual gerou Brittany mas abandonou a família quando a atriz estava com apenas dois anos de idade.

Sharon acusa o pai da atriz - que havia sido preso por ligações mafiosas - de irresponsável e oportunista e de querer agora lucrar às custas do carisma da filha. Recentemente, AJ lançou a tese de que Brittany teria sido assassinada por um misterioso complô, que teria envenenado a atriz com substâncias de metal pesado, hipótese que Sharon definiu como uma insanidade.

Comentários