Pular para o conteúdo principal

SE NÃO FOSSE A TRAGÉDIA, BRITTANY MURPHY TERIA SE SEPARADO DE SIMON MONJACK


Suponhamos que Brittany Murphy não tivesse morrido e seu então marido Simon Monjack também não. Muito provavelmente, se o incidente de 20 de dezembro de 2009 tivesse resultado na sobrevivência da atriz, o fato no entanto influenciaria no fim do casamento dela com o roteirista, produtor e aspirante a diretor de cinema inglês.

Embora as notícias oficiais indicassem apenas o conflito entre a "morte natural" de Brittany, segundo sua mãe, e a "morte por envenenamento por influência  de uma terceira pessoa", segundo seu pai, é notório que Brittany Murphy era muito infeliz no seu casamento.

Simon teria escondido da esposa que não só mantinha contato com duas ex-namoradas, cada uma mãe de um filho com o inglês, e ele estaria depositando secretamente nas contas delas, através do uso do computador da casa do casal, em Hollywood Hills, bairro nobre de Los Angeles.

Familiares de Monjack noticiaram o caso quando foram para a casa de Brittany, meses após a morte desta, para recolher o computador que Simon, também falecido na ocasião, utilizava para transferir seu dinheiro para as ex-namoradas.

Há rumores também de que Simon teria se casado com Brittany por dinheiro e que havia chegado a assediar a mãe da atriz, Sharon Murphy. Simon Monjack também chegou a ser preso antes de se casar com Brittany, por causa de cheques sem fundos, e havia indícios de que ele usava drogas e era viciado em remédios.

Provavelmente, Brittany, que afirmava não usar drogas, mas utilizava medicamentos devido a um problema cardíaco, aumentou o uso de remédios depois de ter se casado com Simon. Mas é também provável que ela, desesperada com a traição do marido, tivesse ingerido uma overdose de medicamentos.

Mas, não havendo essa tragédia, tudo indicava que Brittany já estivesse solteira entre janeiro e fevereiro de 2010, e talvez o divórcio, em que pese os momentos de tensão, angústia e tristeza, viesse a ser amigável. Se Brittany não tivesse morrido, talvez Simon Monjack também estivesse vivo, porque a tragédia dele se deu pelo peso da consciência pela viuvez causada.

A nota de separação estaria publicada na imprensa de celebridades nos termos abaixo. Simulamos um provável texto, dentro dos padrões publicados pelo portal de celebridades Just Jared.

BRITTANY MURPHY AND SIMON MONJACK SPLIT AFTER THREE YEARS OF MARRIAGE

Brittany Murphy and her husband Simon Monjack decided to end their marriage, after three years together, reports confirm. After surviving a heart attack, in december 20 2009, Brittany rep affirmed that she and her hubby had irreconcilable differences and chosen to live in separate ways.

The 32 years-old Across The Hall actress and the 39 years-old British producer, despite the rumours of him cheating his wife, will have a amicable divorce. Their mansion in Hollywood Hills will be selled too soon and Brittany is currently looking for a new house in Los Angeles.

She is working from the new film, The Expendables, playing Mickey Rourke's on-screen girlfriend. Curiously, both were worked on Sin City's film in 2005. The production have locations in Brazil and Brittany revealed very interested in visit the country and spend some days in Rio de Janeiro.

The former couple were married on April 2007, in a secret jewish ceremony. It was the first Brittany's marriage, but the Simon's second one. Simon was previously married with a british female journalist and Brittany was only engaged two times with movie producers.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FILHA DE MÁRCIA CABRITA NÃO TEVE A SORTE DE BRITTANY MURPHY

Ontem, 10 de novembro de 2017, mesmo dia do aniversário de 40 anos de nascimento de Brittany Murphy, a atriz brasileira Márcia Cabrita, também famosa por papéis cômicos, faleceu, perdendo a batalha contra um câncer no ovário, doença diagnosticada em 2010 (a essas alturas Britt já era falecida).

Com o falecimento de Márcia, sua filha Manuela Parente, não teve a sorte de Brittany, pois a adolescente brasileira acabou perdendo a mãe, ameaça da qual a atriz estadunidense foi poupada. Sabe-se que, entre 1990 e 1992, Sharon Murphy sofreu câncer de mama, com alto risco de falecimento, mas sobreviveu.

A exemplo de Sharon, Márcia Cabrita estava solteira, embora seu divórcio com o psicanalista Ricardo Parente tinha sido bastante amigável. Márcia e Ricardo foram casados entre 2000 e 2004, e continuaram amigos desde então. Ricardo compareceu ao velório da ex-mulher, hoje de manhã, em Niterói, terra natal da atriz, famosa por produções como o seriado Sai de Baixo e sua última novela, Novo Mundo, …

TERMO "PATRICINHA" TEVE ORIGEM EM SOCIALITE BRASILEIRA

O termo "patricinha", que os fãs de Brittany Murphy conhecem pela denominação brasileira dada ao filme de título "seco", Clueless (traduzido do inglês, "sem pistas"), que virou As Patricinhas de Beverly Hills, teve sua origem revelada.

A expressão corresponde ao tipo de garota bem nascida, consumista, fanática por moda, de comportamento ingênuo e intelectualmente duvidoso. Algo como uma jovem dondoca, muitas vezes muito bonita, mas inacessível pelo seu tipo aristocrático.

A revelação se deu no livro Enquanto Houver Champanhe, Há Esperança, que o jornalista Joaquim Ferreira dos Santos, famoso por seus livros memorialistas, como 1958 - O Ano Que Não Devia Terminar (1997), dedica à biografia do colunista social Zózimo Barroso do Amaral.

O termo surgiu da socialite Patrícia Leal, trineta do conde Modesto Leal, que havia sido um dos homens mais ricos do período da República Velha (1889-1930). Patrícia se destacou nas colunas sociais da década de 1990 e, ex-na…

BRITTANY MURPHY NA PREMIERE DE 'CLUBE DAS BABÁS'

Aqui vemos Brittany Murphy, em 1995, ano de seu primeiro grande sucesso As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless), na premiére de um filme no qual não participou, mas igualmente uma comédia juvenil, O Clube das Babás (The Babysitters Club).
No filme, o destaque do elenco é o ator e cineasta Bruce Davison, que esteve em três filmes com Britt: Jogada de Verão (Summer Catch), de 2001, A Garota Morta (The Dead Girl), de 2006, e Megafault, de 2009.
Outra curiosidade é que um dos atores de Clube das Babás, Aaron Michael Metchik, foi um dos protagonistas do seriado The Torkelsons, cuja temporada de 1993, rebatizada Almost Home, teve Brittany no elenco.
Aqui vemos uma foto com Britt no lançamento do filme e a capa da edição em DVD da referida produção.