Pular para o conteúdo principal

DISNEY COMPRA PARTE DAS AÇÕES DA FOX


A empresa The Walt Disney Company adquiriu parte das ações da Fox num valor em torno de US$ 52,4 bilhões. O setor de cinema, entretenimento e canais de TV, incluindo emissoras por assinatura distribuídas em pacotes internacionais.

A ação é um dos maiores negócios nos últimos anos e envolvem duas grandes corporações tradicionais de cinema e entretenimento do mundo. É considerada a quarta maior transação de toda a história da mídia no mundo inteiro.

A compra pela Disney só não inclui o setor jornalístico, pois os canais Fox Broadcasting, Fox News, Fox Business, Fox Sports (FS1 e FS2) e Big Ten Network continuam sob o controle do magnata Rupert Murdoch.

No entanto, franquias como Avatar, X-Men, Vingadores (Avengers), Simpsons e Uma Família da Pesada (The Family Guy), farão parte da Disney, que também assumirá a participação da Fox no canal Hulu, principal concorrente no Netflix no provimento de filmes e seriados de TV por streaming.


Situações inusitadas ocorrerão, com a fusão de enredos baseados em heróis da Marvel Comics que, no entanto, não poderiam ser juntados por causa de produtoras responsáveis diferentes. Os atores Chris Evans e Josh Brolin poderão fazer dois personagens caso possam aparecer em certas fusões.

Chris Evans, que fez a Tocha Humana nas primeiras franquias de Os Quatro Fantásticos (The Fantastic Four) - que contou com Jessica Alba como Mulher Invisível, lançando o primeiro filme da franquia no mesmo ano de 2005 em que ela participou de Sin City - Cidade do Pecado (Sin City) - , antes de responsabilidade da Fox, participa da franquia Vingadores, da Disney, como o Capitão América, que fez aparição não creditada em Homem-Formiga (Ant-Man), estrelado por Paul Rudd, de As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless).

Josh Brolin, que atuou em A Garota Morta (The Dead Girl), de 2006, por sua vez será o vilão Thanos no próximo filme da franquia Vingadores, o filme Vingadores: Guerra Infinita (Avengers: Infinity War), a ser lançado no próximo ano. Mas Brolin também fará o papel de Cable, no segundo filme da franquia Deadpool, antes sob responsabilidade da Fox.


A carreira de Brittany Murphy, em parte, passou por memoráveis trabalhos em produções da Disney ou da Fox. Destaca-se o começo de carreira, quando ela participou do seriado infanto-juvenil Almost Home, como a Molly Morgan, em 1993.

Na Fox, destaca-se o trabalho como dubladora, que já rendeu até prêmios, quando Britt, em seu mais longo trabalho, fez a voz da jovem Luanne Platter, sobrinha do casal Hank e Peggy Hill, de O Rei do Pedaço (King of the Hill), entre 1997 e 2009. Britt também fez a voz do menino Joseph Gribble quando bebê, em alguns episódios do seriado.

Aqui vemos Brittany também em 2004, no evento Teen Choice Awards promovido pela Fox. É bom lembrar que O Rei do Pedaço foi uma criação de Mike Judge, de Beavis & Butthead (MTV, de outro grupo midiático, a Viacom, dona da Nickelodeon, "rival" da Disney no ramo infanto-juvenil), em parceria com Greg Daniels, que participou como roteirista de Simpsons, que, por ironia, havia "previsto" a aquisição, em um episódio de 20 anos atrás.

Muito provavelmente Brittany Murphy estaria fazendo participações, como dubladora, em vários episódios de Uma Família da Pesada, criação de Seth MacFarlane. Este seriado de animação também passa a ser produzido sob a responsabilidade da Disney.

Outros seriados, como The Americans - cujo um dos atores protagonistas, Matthew Rhys, esteve em Amor e Outros Desastres (Love and Other Disasters) - e Família Moderna (Modern Family), cuja atriz Sofia Vergara quase foi colega de Britt, não tivesse sido ela vetada para Happy Feet 2.

A Disney também assumiu a dívida financeira da Fox, no valor de US$ 13,7 bilhões. A empresa fundada por Walt Disney e tem como símbolo maior o personagem de animação Mickey Mouse, também adquiriu a Endemol, responsável pelas franquias Big Brother e Master Chef, que possuem versões produzidas no Brasil.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FILHA DE MÁRCIA CABRITA NÃO TEVE A SORTE DE BRITTANY MURPHY

Ontem, 10 de novembro de 2017, mesmo dia do aniversário de 40 anos de nascimento de Brittany Murphy, a atriz brasileira Márcia Cabrita, também famosa por papéis cômicos, faleceu, perdendo a batalha contra um câncer no ovário, doença diagnosticada em 2010 (a essas alturas Britt já era falecida).

Com o falecimento de Márcia, sua filha Manuela Parente, não teve a sorte de Brittany, pois a adolescente brasileira acabou perdendo a mãe, ameaça da qual a atriz estadunidense foi poupada. Sabe-se que, entre 1990 e 1992, Sharon Murphy sofreu câncer de mama, com alto risco de falecimento, mas sobreviveu.

A exemplo de Sharon, Márcia Cabrita estava solteira, embora seu divórcio com o psicanalista Ricardo Parente tinha sido bastante amigável. Márcia e Ricardo foram casados entre 2000 e 2004, e continuaram amigos desde então. Ricardo compareceu ao velório da ex-mulher, hoje de manhã, em Niterói, terra natal da atriz, famosa por produções como o seriado Sai de Baixo e sua última novela, Novo Mundo, …

ATRIZ DE RIVERDALE É COMPARADA A BRITTANY MURPHY

O portal Teen.Com fez uma lista dos atores do seriado juvenil Riverdale - um seriado de drama com personagens criados pela Archie Comics - , produzido pelo canal CW, da Warner, e comparou uma das atrizes, Lili Reinhart, que faz a Betty Cooper (a loura da turma do Archie), com Brittany Murphy, por causa da semelhança.

Consideramos que as semelhanças sejam muito leves, mas insuficientes para tamanha comparação. Tentamos usar uma outra foto da Brittany Murphy, com uma expressão facial mais parecida, para tentar reforçar a comparação.


A semelhança melhora um pouco, talvez até sugerindo que Lili pudesse interpretar Brittany numa possível nova cinebiografia. Mesmo assim, as semelhanças continuam leves.


O que notamos, todavia, é que Lili Reinhart é muito mais parecida com outra Brittany, a Brittany Snow, não apenas pelos olhos claros, mas pelo formato facial bem mais próximo. Se bem que Brittany Snow também já foi comparada com Brittany Murphy. E o mesmo prenome chamou muito a atenção.

TERMO "PATRICINHA" TEVE ORIGEM EM SOCIALITE BRASILEIRA

O termo "patricinha", que os fãs de Brittany Murphy conhecem pela denominação brasileira dada ao filme de título "seco", Clueless (traduzido do inglês, "sem pistas"), que virou As Patricinhas de Beverly Hills, teve sua origem revelada.

A expressão corresponde ao tipo de garota bem nascida, consumista, fanática por moda, de comportamento ingênuo e intelectualmente duvidoso. Algo como uma jovem dondoca, muitas vezes muito bonita, mas inacessível pelo seu tipo aristocrático.

A revelação se deu no livro Enquanto Houver Champanhe, Há Esperança, que o jornalista Joaquim Ferreira dos Santos, famoso por seus livros memorialistas, como 1958 - O Ano Que Não Devia Terminar (1997), dedica à biografia do colunista social Zózimo Barroso do Amaral.

O termo surgiu da socialite Patrícia Leal, trineta do conde Modesto Leal, que havia sido um dos homens mais ricos do período da República Velha (1889-1930). Patrícia se destacou nas colunas sociais da década de 1990 e, ex-na…

CENAS DE EMINEM E BRITTANY MURPHY EM '8-MILE - RUA DAS ILUSÕES'

Agora que Eminem vai se apresentar no Brasil, na edição deste ano do Lollapalooza local, nada como lembrar o filme que o rapper protagonizou, 8-Mile - Rua das Ilusões (8-Mile), de 2002, que contou com nossa sempre querida Brittany Murphy no elenco. Extraímos algumas cenas com os dois:




CENA DE ALMOST HOME, SERIADO DA DISNEY

Vamos recordar Brittany Murphy em cena ao lado de Olivia Burnette no seriado Almost Home, como foi rebatizada a temporada de 1993 do seriado The Torkelsons, quando Britt entrou no elenco como a personagem Molly Morgan (interessante, uma xará da Molly Gunn de dez anos depois).

Nesta cena Brittany brinca de ser motorista imaginária, mais animada ao lado de uma Dorothy (Olivia Burnette) com olhar entediado. Notem como Britt está supergracinha nesta tomada.


CAROL CASTRO POSSUI A MESMA ASSIMETRIA NOS OLHOS QUE TEVE BRITTANY MURPHY

A atriz brasileira Carol Castro possui uma caraterística comum no seu rosto que também teve a nossa querida Brittany Murphy.

É o tipo de assimetria na posição dos olhos, um aspecto que, em tese, parece estranho no rosto de uma pessoa, mas nos dois casos em nada estragou na beleza, muito pelo contrário.

Nota-se que na parte esquerda do rosto o olho se posiciona um pouco abaixo do nível do olho no lado direito. Isso vale tanto no caso de Carol quanto foi o caso de Brittany.

A propósito, Carol Castro faz par romântico com o ator e cineasta Márcio Garcia, que a dirigiu no filme Angie (Open Road). Márcio também é diretor do filme Amor Por Acaso (Bed and Breakfast), estrelado por Juliana Paes, que, embora não tenha essa assimetria, tem um rosto levemente parecido com o de Carol.

Amor por Acaso tem no elenco o mesmo Dean Cain que contracenou com Brittany no filme Busca Alucinante (Abandoned), e no elenco brasileiro deste filme de Márcio Garcia tem também a atriz Débora Lamm, que esteve em Ci…

VAMOS FAZER UM DESAFIO DOS DEZ ANOS?

O que seria essa moda recente do "Desafio dos 10 Anos"? A moda consiste em usar duas fotos comparativas, com diferença de dez anos, para mostrar se alguma personalidade mudou ou permanece a mesma.

Evidentemente, Brittany Murphy teria hoje a aparência que teve em 2009, sem tirar nem pôr. Ela já havia feito uma operação no lábio superior em 2006 e feito alguns ajustes no rosto. Nosso desafio, então, escolheu duas imagens da nossa querida Britt, uma de 1999 e outra de 2009.

Uma corresponde a ela no filme Lindas de Morrer (Drop Dead Gorgeous), o de 1999, quando ela fez a graciosa Lisa Swenson, uma das concorrentes de um concurso de beleza. A outra imagem, de dez anos depois, se refere à uma cena de Algo Maligno (Something Wicked), filme lançado postumamente em 2014, com Brittany fazendo papel de Susan, vilã do drama de terror.


JENNIFER MORRISON FOI NOIVA DE ATOR DE 'GRANDE MENINA, PEQUENA MULHER'

Foi anunciada hoje, oficialmente, a saída da atriz Jennifer Morrison do seriado Era Uma Vez (Once Upon a Time), no qual fazia a protagonista Emma Swan, filha da Branca de Neve (Snow White) e do Príncipe Encantado (Prince Charming), que está no ar desde 2011.

A saída foi amigável e feita por razões pessoais e profissionais. Jennifer queria estar disponível para novos trabalhos, desejando ampliar seu talento com novas personagens. Ela decidiu sair, mas expressou profunda gratidão aos colegas do elenco e à equipe técnica, além de se oferecer para comparecer a eventos relacionados ao seriado.

Uma curiosidade sobre Jennifer - também carinhosamente apelidada de Jenny - é que ela foi noiva do ator Jesse Spencer, entre 2004 e 2006. Jesse fez o papel de Neil Fox, justamente o par romântico da personagem de Brittany Murphy, Molly Gunn, no filme Grande Menina, Pequena Mulher, de 2003.

Jennifer e Jesse chegaram a marcar casamento no mesmo ano em que Britt se casou com Simon Monjack. 2007, mas o …

MECANISMO TABOOLA SE ESQUECE DE QUE SE FALA DEMAIS DA MORTE DE BRITTANY MURPHY

O mecanismo Taboola, que através de algoritmos cria pop ups internos em várias páginas da Internet, cometeu um equívoco ao incluir Brittany Murphy entre os mortos famosos aos quais "ninguém falou" a respeito.
Infelizmente, tudo que se fala é da morte da atriz, mais do que sua obra. A impressão que se tem é que Brittany Murphy está "sendo morta" várias vezes depois daquele triste domingo de 20 de dezembro de 2009.
Só se fala na tragédia dela, incluindo teorias conspiratórias, abordagens sensacionalistas etc. A coitada foi até vítima de fake news no Brasil, quando a reacionária revista Veja, do Grupo Abril, conhecida por desmoralizar políticos progressistas e movimentos sociais, publicou a lorota de que Brittany teria brigado com os produtores do filme Algo Maligno (Something Wicked).
Essa informação é mentirosa e os produtores, pelo contrário, afirmaram não só ter tido uma boa relação com Brittany, que, segundo eles, teve excelente atuação no filme, que a equipe té…

ATRIZES DE 'GAROTA, INTERROMPIDA' SE REENCONTRAM EM 'HANDMAID'S TALE'

Quase vinte anos após o filme Garota, Interrompida (Girl, Interrupted), a atriz Clea DuVall entrará no elenco do seriado The Handmaid's Tale, do Hulu (no Brasil passa no canal Paramount), protagonizado por sua colega no longa de 1998, Elisabeth Moss.

Garota, Interrompida, protagonizado por Winona Ryder, atualmente em Stranger Things, do Neftlix, foi o primeiro drama de sucesso da carreira de Brittany Murphy, então consagrada por comédias como As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless).

DA ESQUERDA, ANGELA BETTIS, CLEA DUVALL E ELISABETH MOSS EM GAROTA,INTERROMPIDA.

DuVall fará o papel de Sylvia, a esposa da qual  a parceira da personagem de Moss (June Osborne / Offred), a personagem Emily / Ofglen - interpretada por Alexis Bledel, que trabalhou com Brittany em Sin City - A Cidade do Pecado (Sin City), de 2005 - , descreveu como sua esposa. Não há detalhes de como a personagem Sylvia se comportará na trama.

AUTÓGRAFO DE ATRIZES DE GAROTA, INTERROMPIDA.

O seriado Handmaid's Tale t…