Pular para o conteúdo principal

BRIAN DE PALMA DIRIGIU BRITTANY MURPHY E POUCOS SABEM


Brian de Palma é conhecido pelos vários filmes com enredos fortes que se tornaram grande sucesso, como Carrie, a Estranha (Carrie), de 1976, o reboot de Scarface (1983), Os Intocáveis (The Untouchables), de 1987, Dália Negra (The Black Dahlia), de 2006, entre outros.

Mas poucos se lembram do filme Falling Sky, filme finalizado em 1998 mas lançado em novembro de 1999. O filme é protagonizado por Brittany Murphy e por Karen Allen, atriz de Starman - O Homem das Estrelas (Starman) e da saga Indiana Jones. É um dos dramas sérios protagonizados por Britt poucos anos após o sucesso de As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless), de 1995.

É um drama doméstico, no qual Brittany faz o papel da jovem Emily Nicholson, filha de Resse Nicholson, interpretada por Karen. Resse é uma mãe alcoólatra que, em determinado momento, se suicida, e a filha corre para o lago tentar se afogar, até que percebe que sua opção é continuar vivendo (como gostaríamos muito que a atriz estivesse hoje).

É incompreensível que o filme - que Brian de Palma dirigiu, em parceria com Russ Brandt - seja muito pouco divulgado e, no Brasil, completamente ignorado. É um tipo de drama que agradaria o público brasileiro, sem sombra de dúvida.

Seria interessante que se mostrasse esta faceta dramática de Brittany, cuja atuação no filme havia sido bastante elogiada. O drama poderia ter uma frequência razoável nos canais de TV paga. Abaixo mostramos algumas imagens capturadas do filme.








Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FILHA DE MÁRCIA CABRITA NÃO TEVE A SORTE DE BRITTANY MURPHY

Ontem, 10 de novembro de 2017, mesmo dia do aniversário de 40 anos de nascimento de Brittany Murphy, a atriz brasileira Márcia Cabrita, também famosa por papéis cômicos, faleceu, perdendo a batalha contra um câncer no ovário, doença diagnosticada em 2010 (a essas alturas Britt já era falecida).

Com o falecimento de Márcia, sua filha Manuela Parente, não teve a sorte de Brittany, pois a adolescente brasileira acabou perdendo a mãe, ameaça da qual a atriz estadunidense foi poupada. Sabe-se que, entre 1990 e 1992, Sharon Murphy sofreu câncer de mama, com alto risco de falecimento, mas sobreviveu.

A exemplo de Sharon, Márcia Cabrita estava solteira, embora seu divórcio com o psicanalista Ricardo Parente tinha sido bastante amigável. Márcia e Ricardo foram casados entre 2000 e 2004, e continuaram amigos desde então. Ricardo compareceu ao velório da ex-mulher, hoje de manhã, em Niterói, terra natal da atriz, famosa por produções como o seriado Sai de Baixo e sua última novela, Novo Mundo, …

TERMO "PATRICINHA" TEVE ORIGEM EM SOCIALITE BRASILEIRA

O termo "patricinha", que os fãs de Brittany Murphy conhecem pela denominação brasileira dada ao filme de título "seco", Clueless (traduzido do inglês, "sem pistas"), que virou As Patricinhas de Beverly Hills, teve sua origem revelada.

A expressão corresponde ao tipo de garota bem nascida, consumista, fanática por moda, de comportamento ingênuo e intelectualmente duvidoso. Algo como uma jovem dondoca, muitas vezes muito bonita, mas inacessível pelo seu tipo aristocrático.

A revelação se deu no livro Enquanto Houver Champanhe, Há Esperança, que o jornalista Joaquim Ferreira dos Santos, famoso por seus livros memorialistas, como 1958 - O Ano Que Não Devia Terminar (1997), dedica à biografia do colunista social Zózimo Barroso do Amaral.

O termo surgiu da socialite Patrícia Leal, trineta do conde Modesto Leal, que havia sido um dos homens mais ricos do período da República Velha (1889-1930). Patrícia se destacou nas colunas sociais da década de 1990 e, ex-na…

BRITTANY MURPHY NA PREMIERE DE 'CLUBE DAS BABÁS'

Aqui vemos Brittany Murphy, em 1995, ano de seu primeiro grande sucesso As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless), na premiére de um filme no qual não participou, mas igualmente uma comédia juvenil, O Clube das Babás (The Babysitters Club).
No filme, o destaque do elenco é o ator e cineasta Bruce Davison, que esteve em três filmes com Britt: Jogada de Verão (Summer Catch), de 2001, A Garota Morta (The Dead Girl), de 2006, e Megafault, de 2009.
Outra curiosidade é que um dos atores de Clube das Babás, Aaron Michael Metchik, foi um dos protagonistas do seriado The Torkelsons, cuja temporada de 1993, rebatizada Almost Home, teve Brittany no elenco.
Aqui vemos uma foto com Britt no lançamento do filme e a capa da edição em DVD da referida produção.