Pular para o conteúdo principal

ASHTON KUTCHER PEDE QUE IMPRENSA RESPEITE PRIVACIDADE DOS FILHOS


Não é fácil ser Ashton Kutcher. Talentoso e prudente, o ator, que foi namorado de Brittany Murphy na época em que ambos fizeram Recém-Casados (Just Married), é alvo de críticas duras, boatos e fofocas.

Procurando desenvolver uma vida normal ao lado da esposa e ex-colega do seriado De Volta aos Anos 70 (That 70's Show), Mila Kunis, e dos filhos do casal, a menina Wyatt e o garoto, caçula, Dimitri, Ashton procura se manter presente como pai e como marido.

Houve boatos terríveis supondo a separação de Mila e Ashton e, recentemente, citaram uma "mulher misteriosa" que Ashton logo revelou ser "nossa prima" - talvez prima dele ou de Mila, mas definida como "nossa" por afeição familiar - , o que, infelizmente, não consegue convencer os fofoqueiros de plantão.



Há poucos dias, foi divulgada uma foto com Ashton e Mila com seus filhos, Dimitri e Wyatt, no FINA World Championship 2017, em Budapeste, Hungria. A divulgação da foto indignou Ashton, que, educadamente, postou uma mensagens nas mídias sociais, pedindo para a imprensa não publicar imagens dos filhos.

Em várias mensagens no seu perfil do Twitter, Ashton pediu que respeitassem o fato das crianças "não terem escolhido essa vida (do fato dos pais serem famosos)" e pede que respeitem a privacidade dos filhos.

""Eu continuo pedindo gentilmente, por favor, não postem fotos dos nossos filhos. Eles não escolheram essa vida pública", escreveu Ashton, que acrescentou em outra postagem: ""Sim, levamos eles a locais públicos (gostamos de passar um tempo com nossos filhos), mas isso não significa que está tudo bem tirar e publicar fotos deles".

A gente entende o quanto não é fácil a vida de Ashton Kutcher e Mila Kunis para cuidar dos dois filhos. Embora sejam ricos e famosos, procede o fato de que ambos se empenham para dar o melhor aos seus filhos, marcando presença com o amor de pais e como um casal que assume as responsabilidades difíceis de sustentar uma família.

Damos total apoio ao casal e a nossa admiração aos ex-colegas de That 70's Show que resolveram assumir essa tarefa de se casarem por amor e ajudar na formação pessoal dos dois filhos, preparando-os para esse mundo complexo em que vivemos e que ainda sucumbe à atividade leviana e cínica da imprensa de celebridades.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FILHA DE MÁRCIA CABRITA NÃO TEVE A SORTE DE BRITTANY MURPHY

Ontem, 10 de novembro de 2017, mesmo dia do aniversário de 40 anos de nascimento de Brittany Murphy, a atriz brasileira Márcia Cabrita, também famosa por papéis cômicos, faleceu, perdendo a batalha contra um câncer no ovário, doença diagnosticada em 2010 (a essas alturas Britt já era falecida).

Com o falecimento de Márcia, sua filha Manuela Parente, não teve a sorte de Brittany, pois a adolescente brasileira acabou perdendo a mãe, ameaça da qual a atriz estadunidense foi poupada. Sabe-se que, entre 1990 e 1992, Sharon Murphy sofreu câncer de mama, com alto risco de falecimento, mas sobreviveu.

A exemplo de Sharon, Márcia Cabrita estava solteira, embora seu divórcio com o psicanalista Ricardo Parente tinha sido bastante amigável. Márcia e Ricardo foram casados entre 2000 e 2004, e continuaram amigos desde então. Ricardo compareceu ao velório da ex-mulher, hoje de manhã, em Niterói, terra natal da atriz, famosa por produções como o seriado Sai de Baixo e sua última novela, Novo Mundo, …

TERMO "PATRICINHA" TEVE ORIGEM EM SOCIALITE BRASILEIRA

O termo "patricinha", que os fãs de Brittany Murphy conhecem pela denominação brasileira dada ao filme de título "seco", Clueless (traduzido do inglês, "sem pistas"), que virou As Patricinhas de Beverly Hills, teve sua origem revelada.

A expressão corresponde ao tipo de garota bem nascida, consumista, fanática por moda, de comportamento ingênuo e intelectualmente duvidoso. Algo como uma jovem dondoca, muitas vezes muito bonita, mas inacessível pelo seu tipo aristocrático.

A revelação se deu no livro Enquanto Houver Champanhe, Há Esperança, que o jornalista Joaquim Ferreira dos Santos, famoso por seus livros memorialistas, como 1958 - O Ano Que Não Devia Terminar (1997), dedica à biografia do colunista social Zózimo Barroso do Amaral.

O termo surgiu da socialite Patrícia Leal, trineta do conde Modesto Leal, que havia sido um dos homens mais ricos do período da República Velha (1889-1930). Patrícia se destacou nas colunas sociais da década de 1990 e, ex-na…

BRITTANY MURPHY NA PREMIERE DE 'CLUBE DAS BABÁS'

Aqui vemos Brittany Murphy, em 1995, ano de seu primeiro grande sucesso As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless), na premiére de um filme no qual não participou, mas igualmente uma comédia juvenil, O Clube das Babás (The Babysitters Club).
No filme, o destaque do elenco é o ator e cineasta Bruce Davison, que esteve em três filmes com Britt: Jogada de Verão (Summer Catch), de 2001, A Garota Morta (The Dead Girl), de 2006, e Megafault, de 2009.
Outra curiosidade é que um dos atores de Clube das Babás, Aaron Michael Metchik, foi um dos protagonistas do seriado The Torkelsons, cuja temporada de 1993, rebatizada Almost Home, teve Brittany no elenco.
Aqui vemos uma foto com Britt no lançamento do filme e a capa da edição em DVD da referida produção.