Pular para o conteúdo principal

A OUTRA BRITTANY

CONFUNDIDA E COMPARADA COM BRITTANY MURPHY, A XARÁ BRITTANY SNOW ATUALMENTE É VISTA NO FILME A ESCOLHA PERFEITA 2 (PITCH PERFECT 2).

Ela é constantemente confundida e comparada com Brittany Murphy, sobretudo pelo formato do rosto ligeiramente semelhante. Brittany Snow segue sua carreira de atriz, iniciada há 21 anos, e faz parte do elenco do filme A Escolha Perfeita 2 (Pitch Perfect 2), que estreou no último fim de semana com bilheteria recorde nos cinemas dos EUA.

Brittany Snow já havia participado da primeira parte do longa. e apesar das fortes comparações (talvez Brittany Murphy pudesse ter noção disso), aparentemente não houve algum encontro entre as duas, ainda que isso não fosse impossível de acontecer.

Ironicamente, Brittany Snow faz aniversário em 09 de março, mesmo dia que o cineasta inglês Simon Monjack, com quem Brittany Murphy teve um casamento infeliz de consequência trágica. Snow tem 29 anos e também se chama Brittany Anne, a exemplo da outra.

Britt Snow tornou-se mais conhecida a partir do seriado American Dreams, ambientado nos anos 1960, fazendo papel de uma figurante de palco. O seriado passou na TV paga brasileira, com relativo sucesso.

As duas até participaram de um mesmo seriado, SeaQuest (exibido no Brasil), mas não num mesmo episódio. Foi o seriado que lançou Brittany Snow, participando em dois episódios em papéis diferentes, como uma jovem garota em "Special Delivery", de 1994, e de uma garota de Hyperion (satélite de Saturno) no episódio "Splashdown", de 1995. Já Brittany Murphy participou do episódio Second Chance, como Christine, filha do comandante Michael VanCamp.

HOUVE QUEM FIZESSE MASHUP DAS DUAS, APENAS GRAFANDO ERRADO O PRENOME DA SAUDOSA ATRIZ.

No filme Operação Babá (The Pacifier), de 2005, com Brittany Snow no elenco, não houve um colega de Britt Murphy destacado na produção (quanto muito, Whoopi Goldberg, de Garota, Interrompida, aparecia numa cena de Ghost transmitida na TV), mas há uma curiosidade interessante.

Afinal, esta comédia, estreada por Vin Diesel, de Velozes e Furiosos (Fast and Furious), conta com Lauren Graham no elenco. Lauren é conhecida pelo seriado Tal Mãe, Tal Filha (Gilmore Girls), que protagonizou ao lado de Alexis Bledel. Esta, no mesmo ano de 2005, estava no filme Sin City - Cidade do Pecado, atuando justamente com Brittany Murphy.

No filme Procurando Amanda (Finding Amanda), de 2008, Brittany Snow teve como colega de elenco Peter Facinelli, que esteve no filme com sua xará, Os Garotos de Minha Vida (Riding Cars With Boys), de 2001.

Na versão 2007 do filme Hairspray: Em Busca da Fama, Snow integrou o elenco assim como Christopher Walken, colega de Brittany Murphy em Anjos Rebeldes II (The Prophecy II), de 1998, e a estrela de Mom,  Allison Janney, colega de Murphy em David and Lisa, de 1998, Lindas de Morrer (Drop Dead Gorgeous), de 1999, e da peça de teatro Do Alto da Ponte (A View From the Bridge). de 1997.

Snow participou do seriado de TV Mad Love, de 2011, protagonizado por Jason Biggs, de American Pie, colega de Britt Murphy no pouco lembrado seriado Drexel's Class. Curiosamente, sua personagem Julia Swanson tem o mesmo sobrenome da personagem de sua xará em Lindas de Morrer, Lisa Swanson, no entanto as personagens não têm qualquer relação entre si.

Em Petunia, filme de 2012, Brittany Snow contracena com Thora Birch, que havia participado, três anos antes, do filme Flashes de uma Psicose (Deadline), de 2009, um dos últimos da carreira de Brittany Murphy.

No filme A Escolha Perfeita (Pitch Perfect), de 2012, o ator Donald Faison, de Scrubs e The Exes, participou do elenco como membro de uma equipe de cantores concorrentes. Faison é conhecido por contracenar com Brittany Murphy em As Patricinhas de Beverly Hills (Clueless) e Grande Menina, Pequena Mulher (Uptown Girls).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FILHA DE MÁRCIA CABRITA NÃO TEVE A SORTE DE BRITTANY MURPHY

Ontem, 10 de novembro de 2017, mesmo dia do aniversário de 40 anos de nascimento de Brittany Murphy, a atriz brasileira Márcia Cabrita, também famosa por papéis cômicos, faleceu, perdendo a batalha contra um câncer no ovário, doença diagnosticada em 2010 (a essas alturas Britt já era falecida).

Com o falecimento de Márcia, sua filha Manuela Parente, não teve a sorte de Brittany, pois a adolescente brasileira acabou perdendo a mãe, ameaça da qual a atriz estadunidense foi poupada. Sabe-se que, entre 1990 e 1992, Sharon Murphy sofreu câncer de mama, com alto risco de falecimento, mas sobreviveu.

A exemplo de Sharon, Márcia Cabrita estava solteira, embora seu divórcio com o psicanalista Ricardo Parente tinha sido bastante amigável. Márcia e Ricardo foram casados entre 2000 e 2004, e continuaram amigos desde então. Ricardo compareceu ao velório da ex-mulher, hoje de manhã, em Niterói, terra natal da atriz, famosa por produções como o seriado Sai de Baixo e sua última novela, Novo Mundo, …

ATRIZ DE RIVERDALE É COMPARADA A BRITTANY MURPHY

O portal Teen.Com fez uma lista dos atores do seriado juvenil Riverdale - um seriado de drama com personagens criados pela Archie Comics - , produzido pelo canal CW, da Warner, e comparou uma das atrizes, Lili Reinhart, que faz a Betty Cooper (a loura da turma do Archie), com Brittany Murphy, por causa da semelhança.

Consideramos que as semelhanças sejam muito leves, mas insuficientes para tamanha comparação. Tentamos usar uma outra foto da Brittany Murphy, com uma expressão facial mais parecida, para tentar reforçar a comparação.


A semelhança melhora um pouco, talvez até sugerindo que Lili pudesse interpretar Brittany numa possível nova cinebiografia. Mesmo assim, as semelhanças continuam leves.


O que notamos, todavia, é que Lili Reinhart é muito mais parecida com outra Brittany, a Brittany Snow, não apenas pelos olhos claros, mas pelo formato facial bem mais próximo. Se bem que Brittany Snow também já foi comparada com Brittany Murphy. E o mesmo prenome chamou muito a atenção.

TERMO "PATRICINHA" TEVE ORIGEM EM SOCIALITE BRASILEIRA

O termo "patricinha", que os fãs de Brittany Murphy conhecem pela denominação brasileira dada ao filme de título "seco", Clueless (traduzido do inglês, "sem pistas"), que virou As Patricinhas de Beverly Hills, teve sua origem revelada.

A expressão corresponde ao tipo de garota bem nascida, consumista, fanática por moda, de comportamento ingênuo e intelectualmente duvidoso. Algo como uma jovem dondoca, muitas vezes muito bonita, mas inacessível pelo seu tipo aristocrático.

A revelação se deu no livro Enquanto Houver Champanhe, Há Esperança, que o jornalista Joaquim Ferreira dos Santos, famoso por seus livros memorialistas, como 1958 - O Ano Que Não Devia Terminar (1997), dedica à biografia do colunista social Zózimo Barroso do Amaral.

O termo surgiu da socialite Patrícia Leal, trineta do conde Modesto Leal, que havia sido um dos homens mais ricos do período da República Velha (1889-1930). Patrícia se destacou nas colunas sociais da década de 1990 e, ex-na…